Com 18 anos eu já aprendi 18 motivos para…

Vi esse tipo de post em um outro blog e adorei! Eu adoro refletir sobre a minha vida e quando faço isso, sempre escrevo sobre. Dia 3 fiz 18 anos e resolvi compartilhar algumas coisas pontuais que aprendi e vivi ao longo desses anos…

1. Agir mais com o coração do que com a cabeça.
Essa é uma das características mais marcantes da minha personalidade! É uma decisão que me faz sofrer intensamente como consequência, mas ainda sim prefiro deixar meus sentimentos falaram mais alto em qualquer decisão.

2. Não ligar para a opinião dos outros (que não se preocupam com você).
Quem não se preocupa com você não deveria querer e nem poderia ter o direito de dar palpite em sua vida. Então se der, pra que escutar?

3. Traçar prioridades.
Seja na hora de comprar algo no shopping ou em traçar alguma meta para a vida. Objetivar um plano faz bem pra mente!

4. Não deixar a tristeza ser tão grande a ponto de não sobrar um espacinho para felicidade!
O amanhã traz sempre um novo dia com novas oportunidades. O que não deu certo fica no passado e serve de aprendizado. 

5. Escrever sobre tudo.
Como já disse, adoro e tenho o costume de escrever sobre as coisas que acontecem na minha vida. Ajuda a entender melhor quem eu sou e o que se passa dentro de mim… É quase como uma terapia e indico a todos.

6. Pensar bem antes de cortar o cabelo.
Depois de ter cortado bem curtinho quando nova e ter me arrependido, é um custo pra cortar dois dedos do meu cabelo! Hoje em dia tenho o rosto totalmente diferente e sinto vontade de tentar novamente, mas quem disse que a coragem deixa?

7. Não dormir de maquiagem.
Nem preciso dizer o quão prejudicial à nossa querida cútis é dormir com todos aqueles produtos, né? Mas de tanto apanhar da preguiça, eu aprendi! Não abro mais mão de um demaquilante antes da hora de dar tchau.

8. Aceitar que nem todo mundo pode ter um corpo com a genética da Pugliesi.
Correr atrás de um corpinho ok e de uma saúde adequada é uma coisa. Mas se castigar por não ter a barriga negativa e as coxas de fulaninha é outra! Mais amor próprio né pessoal…

9. Dar risada de quando alguém tira sarro de você.
Quando a gente aprende a rir da gente, a cobrança é muito menor. A gente cresce! E pode apostar que os sarros diminuem.

10. Desapegar!!!
Obrigada, Isabela Freitas, por me ensinar que desapego não é desamor.

11. Não me estressar pelo delineador.
Sim. Eu já me estressei muito porque o traço não ficou tão reto ou do jeito que eu queria. Mas agora quando o gatinho não quer sair, eu pulo pro esfumado.

12. Comer o que eu mais amo sem culpa alguma.
Contar calorias justo naquele brigadeiro na semana da TPM? Vamos ser feliz? Que tal? O equilíbrio é o segredo de tudo. Brigadeiro todo dia não pode, mas uma vez ou outra até a Pugli come (mas a gente finge que acredita que não come não).

13. Não corrigir os erros ortográficos dos amigos a todo instante.
Tenho essa mania meio chata meio correta. Mas até eu estava me irritando com tantas correções… Então passei a dar um relaxada porque falar errado de vez enquanto não mata ninguém.

14. Me apaixonar por flores e suas diversas cores.
Quem ainda não parou para admirar a beleza das flores não sabe o que está perdendo. Cada hora que vejo uma tenho alguma nova preferida.

15. Passar protetor solar mesmo querendo aquele bronze.
Todo mundo quer um brilho de verão na pele, então o desespero quando vemos a praia é muito! Mas torrar no Sol e descascar poucos dias depois não adianta em nada…

16. Gostar de poesia.
Deixo aqui meu agradecimento aos meus professores de literatura, que me fizeram amar uma das coisas mais lindas e raras que há no mundo.

17. Para ser forte, às vezes a gente precisa se permitir ser vulnerável.
Isso tem muito a ver com o primeiro motivo lá em cima! Ser vulnerável não é sinônimo de fraqueza, mas sim de alguém que possui seus sentimentos expostos e à flor da pele. E quem reconhece e sabe lidar com sua própria fortaleza, sabe ser forte.

18. Para ser feliz, eu não preciso de 18 motivos…

O melhor de tudo é que eu sei que não foi só comigo! A maioria desses fatos também acontece com vocês. Então desafio você a fazer esse mesmo esquema, só que com a sua idade. Vale escrever aqui nos comentários, no seu computador ou naquele caderninho que só você lê.

Anúncios

1 comentário Adicione o seu

  1. Line Lazari disse:

    Muito bom! Várias verdades!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s